Espiões se Infiltram em Loja Maçônica

12/01/2017 13:40

Todos sabem que Maçonaria e governo absolutista não combinam (Pelo menos os que acompanham esta página o sabem), e para ilustrar esta afirmação apresentarei mais uma curiosidade a cerca de nossa história.

Capa do documento chamado “INNAES MAÇONICOS FLUMINENSE – TOMO I de 1832.

Em meus garimpos corriqueiros, me deparei com um documento de 1832 chamado “INNAES MAÇONICOS FLUMINENSE – TOMO I”, impresso pela tipografia Seignot -Plancher, relatando que entre os anos de 1810 e 1821 foi muito cansativo para as Lojas maçônicas trabalharem, pois estas eram constantemente perseguidas pela polícia, fazendo com que seus membros se sacrificassem muitas vezes para se reunirem fora do perigo eminente em ser enxergado por espiões do governo.

Cabe agora uma citação direta do texto do qual eu transcreverei a seguir:

“(...) Destas Lojas, a que por muito tempo persistiu, e de cujos trabalhos o Governo sabia, por espiões que em suas colunas se assetavam, foi a que se intitulava S. João de Bragança, onde gente grada, mas quase toda Corte, se filiara.”

Página 8 do documento chamado “INNAES MAÇONICOS FLUMINENSE – TOMO I de 1832 com trecho destacado no texto.

Na continuação do texto diz que o Ministro de Estado Villa Nova, após as revoluções de Pernambuco persuadisse “El Rei” a esmagar os maçons, pois os mesmos eram instrumento de revolução. Os integrantes dessa Loja entregaram então suas insígnias e talvez seus documentos ao Rei.

Esta página tem apresentado vários episódios na história em que déspotas investiram contra a Maçonaria, e os fatos apresentados hoje reforçam que a natureza do maçom é ser bom e livre, devendo assim assegurar os princípios de liberdade, representando assim perigo a qualquer tipo de governo tirano e absolutista.

Voltar

Tópico: Espiões se Infiltram em Loja Maçônica

  • Data: 12/04/2017 De: huberman ismael fonseca

    Assunto: parabens

    meu ir.'. boa tarde estou visitando a primeira vez o seu site e estou adorando q continuem na busca da verdade vou ficar visitando para sempre aprender sobre arte real.
    T.'. F.'.A
    Huberman

    Responder

  • Data: 24/04/2017 De: Cloves Gregorio

    Assunto: Re:parabens

    Obrigado!!!

    São os manos que leem que me impulsionam a pesquisar e escrever mais.

    Responder

  • Data: 04/04/2017 De: Carlos Roberto Fernandes

    Assunto: história

    Parabéns pela garimpagem histórica.
    Traga mais destas preciosidades da nossa história para que possamos nos deleitar com fatos que se apagam com tanta rapidez.
    A história é parte da característica, da moral e da união de um povo.

    TFA

    Responder

  • Data: 12/04/2017 De: Cloves Gregorio

    Assunto: Re:história

    Muito obrigado pelo comentário Irmão Carlos.

    Em breve sairá matéria fresquinha!

    Responder

Novo comentário

Contato

Maçonaria Tupiniquim

© 2014 Todos os direitos reservados.

Crie um site gratuito

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!